Como eu fiz: Surpresa de aniversário

| postado em: Como eu Fiz, Ideias, Pano-Chique | 0

No último dia 11 foi aniversário do meu namorado, o Fernando. Nós combinamos que vamos comemorar nossos aniversários juntos no dia 20, já que eu faço aniversário dia 24 desse mês. Mas isso é conversa para outro post…

Mesmo com essa comemoração planejada, eu não poderia deixar o dia dele passar em branco, sabe? Então pesquisei, procurei ideias e encontrei muitos sites dando dicas e adaptei à minha situação. Por isso eu quis mostrar como eu fiz, pq também pode te inspirar a surpreender aquele alguém especial que você ama, seja seu namorado(a), amigo(a), mãe, pai, filho, primo…Quem você quiser.

No meio da minha “pesquisa” eu encontrei o blog da Luisa Meirelles e o post de como ela fez a surpresa de aniversário para o namorado dela. Quem quiser conferir, aí vai o link: http://luisameirelles.com/boyfriends-bday-week/. Foi a partir do post dela que eu comecei a maquinar como ia fazer para surpreender o Fê.

Decidi proporcionar uma “festa” para ele, com tudo o que ele tem direito: balões, comida, bolo, velinhas, amigos, homenagens, presentes, parabéns, etc. O problema é que eu tinha que encaixar tudo isso em duas horas de almoço.

A primeira parte do plano foi criar expectativa, e eu fiz isso com a Corrente-contagem-regressiva. Exatamente uma semana antes do aniversário dele entreguei uma caixa com a corrente. Na corrente havia sete envelopes, para ele abrir um por dia. Cada envelope tinha um cartão falando de algum acontecimento do dia e dando uma razão para ele comemorar. Ele ficou super curioso para saber o que eu estava “aprontando”. O último envelope continha um balão que ele tinha que inflar para ler o que estava escrito. No balão eu marcava um encontro para que ele pudesse pegar outros balões como aquele.

Ele me encontrou no horário e local combinado. E aí foi a hora de entregar os outros balões. Cada um dava algum recadinho, alguma instrução e o presenteava com alguma coisa. Por exemplo, o primeiro balão dizia que ele tinha direito a um almoço comigo; o segundo agradecia por ele ter aceitado o convite e que ele só poderia inflar o próximo balão quando chegássemos; o terceiro dava direito a ele ver um vídeo que fiz com nossos amigos parabenizando-o; o quarto dava direito a ele abrir os presentes e por fim, o quinto balão dizia que ele tinha ganhado um bolo com velinhas e que era para ele fazer um pedido.

E foi basicamente isso. Eu escolhi o restaurante, encomendei um mini bolo, levei velinhas, fósforo, e o vídeo que fiz com os amigos e familiares. Aos poucos fui conduzindo a “festa” e o resultado foi muito legal. Ele não esperava nada daquilo, ficou muito contente com as homenagens dos amigos e achou bastante criativo da minha parte. Quando tudo acabou entreguei um último envelope que explicava tudo e com um check list de uma festa de aniversário para conferir se não tinha faltado nada.

Foi a forma que encontrei de proporcionar tudo o que uma festa de aniversário tem que ter: consegui gerar expectativa para a chegada do dia, fiz um convite, teve balões coloridos, comida boa, trouxe as pessoas que ele ama através do vídeo, levei os presentes, um bolo na medida certa para nós dois, velinhas, cantei parabéns… o resultado foi um aniversariante muito feliz!

DSC_8208

Deixe uma Resposta